A Ciclus transforma o que poderia se tornar passivo ambiental em ativos com valor agregado
Ciclus leva participantes da COOTRASER à Expocatadores


Em novembro, um grupo formado por cinco cooperados da COOTRASER, Cooperativa de Catadores de Materiais Recicláveis de Seropédica, teve a oportunidade de participar, pela primeira vez, da Expocatador, maior evento voltado aos catadores de materiais recicláveis do país. A Ciclus organizou e viabilizou a viagem à Belo Horizonte, local da sétima edição do evento. Acompanhados da equipe de responsabilidade socioambiental da empresa, os catadores conheceram projetos e novas tecnologias que visam fortalecer a presença qualificada dos catadores de materiais recicláveis na cadeia da reciclagem.

Durante os três dias de evento, ao participarem de exposições, palestras e conversas com pessoas da área, os catadores conheceram sobre assuntos legais, impactos ambientais e sociais na América Latina, América do Norte e Europa. O evento proporcionou a troca de experiências entre representantes de outras cooperativas, associações de catadores e representantes de empresas recicladoras de várias regiões do país.

Humberto Queiroz, analista de responsabilidade socioambiental da Ciclus, fez parte do grupo de colaboradores da empresa que acompanhou os catadores durante a viagem. Para ele, o evento colaborou para a verificação da condição socioeconômica do catador no Brasil, dos avanços e retrocessos das ações governamentais voltadas para a execução da Política Nacional de Resíduos Sólidos e da participação do setor privado quanto à responsabilidade compartilhada pelo ciclo de vida dos produtos.

“A viagem foi maravilhosa! Queria repetir. Aprendi muito com os outros catadores e com os palestrantes.”, disse a catadora da COOTRASER, Márcia Cristina Nunes Moura.


voltar