A Ciclus transforma o que poderia se tornar passivo ambiental em ativos com valor agregado
PGSA e PISCA


A Ciclus possui uma equipe de Responsabilidade Socioambiental que atua na execução do Plano de Gestão Socioambiental (PGSA) da empresa, realizando diferentes atendimentos à comunidade, e dando suporte a diversos públicos, como os ex-catadores dos lixões de Seropédica e Itaguaí. O PISCA (Plano de Inclusão Social de Catadores) faz parte do PGSA, com o objetivo de oferecer mecanismos para a geração de renda e envolvimento social pela inclusão produtiva dos ex-catadores.

O PISCA realizou a regularização de documentos pessoais, aberturas de contas bancárias na Caixa Econômica, pagamento de bolsa-auxílio durante seis meses, apoiou a criação de uma cooperativa de trabalho (COOTRASER) e da reforma de sua unidade de reciclagem em Seropédica. Três ex-catadores também conseguiram microcrédito através do programa CRESCER da Caixa, resultando na compra de equipamentos para abrir pequenos negócios.

Números do PISCA:
- Atualmente o PISCA conta com 74 ex-catadores vinculados (lixões de Itaguaí e Seropédica).
- Sete ex-catadores abriram negócios próprios e geram renda nas áreas de reciclagem, comercial, agrícola, avícola e produção de salgados.
- 14 ex-catadores formaram uma cooperativa de trabalho, a COOTRASER, legalizada no início de 2012


voltar