A Ciclus transforma o que poderia se tornar passivo ambiental em ativos com valor agregado
Recebimento de Resíduos Industriais


Na Ciclus o compromisso com a segurança do meio ambiente é coisa séria. A empresa possui controle de qualidade a fim de garantir que a sua Central de Tratamento de Resíduos receba apenas materiais não perigosos. A empresa possui um laboratório de análises expeditas que realiza a conferência da composição dos resíduos enviados à CTR pelos clientes industriais. Nas análises realizadas no laboratório são avaliados critérios como corrosividade, risco de explosão e umidade.

- A CTR recebe: resíduos de origem residencial e comercial, além de resíduos industriais não perigosos.
- A CTR não recebe: radioativos, inflamáveis, infectantes, amianto, pilhas e baterias, lâmpadas fluorescentes de mercúrio ou sódio, nem pneus.

Etapas para a destinação dos resíduos na CTR da Ciclus:
1- O cliente gerador faz consulta ao CTR para saber se é possível enviar seu(s) resíduo(s).
2- É então realizada uma análise laboratorial onde o resíduo é avaliado pelo setor de Segurança da Ciclus, que define se a CTR pode recebê-lo.
3- Sendo aprovado, o cliente (gerador ou o transportador) faz um contrato com a CTR.
4- O cliente gerador e o transportador são cadastrados no sistema operacional da CTR.
5- Na chegada à CTR, os resíduos são pesados e registrados em um sistema informatizado. A empresa possui controle do gerador, tipo de resíduo, nome e placa do motorista.
6- É apresentado o manifesto de resíduo (documento exigido aos clientes). O manifesto contém a descrição dos resíduos, o gerador, o transportador e a numeração do órgão fiscalizador de Meio Ambiente.
7- Quando se faz necessária, a Análise Expedida é feita no laboratório da Ciclus, na entrada da CTR, para os clientes industriais. Esta análise libera ou não os resíduos para a descarga.
8- Durante a descarga são feitas avaliações visuais pela equipe operacional. Caso ocorram dúvidas, a carga será retida ou separada das demais, até que se comprove a correta classificação dos resíduos no laboratório móvel.


voltar